Suar demais pode ser hiperidrose, doença que se caracteriza pela produção exagerada de suor, seja no corpo todo ou em partes específicas. É aquela transpiração que incomoda e compromete a qualidade de vida. Tem gente que sua muito nas palmas das mãos, por exemplo, o que atrapalha várias atividades, como o simples ato de escrever ou digitar.

img_blog_hiperidose-04

Existem vários tipos de tratamento, que dependem da intensidade, da localização dos sintomas e das características do paciente. Um dos mais eficientes é a aplicação de toxina botulínica.

Como ela age? A toxina botulínica bloqueia a liberação do neurotransmissor acetilcolina, eliminando temporariamente a produção do suor na área desejada. É um tratamento simples, pois pode ser feito com anestesia local. O efeito dura de quatro meses a um ano, dependendo da pessoa, e é preciso repetir o procedimento após esse período.

img_blog_hiperidose01

A hiperidrose pode se manifestar em qualquer época da vida, mas, em geral, aparece na infância ou na adolescência. O fator genético influencia: é comum pais que têm hiperidrose gerarem filhos que apresentem o mesmo problema. Pessoas acima do peso tendem a suar mais e é normal transpirar mais em algumas partes do corpo do que em outras.

Por isso é preciso consultar um médico para saber se você tem a doença ou não.

Postado por

CompartilharFacebookTwitterGoogle+WhatsappEmail

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *