Às vezes, uma mancha aparece depois de uma espinha, no mesmo lugar. Esse quadro é bem comum e se chama hiperpigmentação pós-inflamatória. Na verdade, essa mancha é consequência de alguns processos inflamatórios que afetam a pele. Caso da espinha, de alergias, traumas físicos como uma mordida de mosquito, infecções e queimaduras, por exemplo.

img_blog_ManchasPosEspinhas1
As manchas tendem a melhorar com o tempo, à medida que a pele vai se recuperando plenamente da inflamação. Mas algumas podem permanecer, principalmente se forem expostas ao sol. Quanto mais escuro for o tom da pele, mais ela vai sofrer com essa hiperpigmentação. Uma dica: o filtro solar evita que as manchas escureçam ainda mais.

img_blog_ManchasPosEspinhas2

Para acabar com elas, um médico pode receitar substâncias despigmentantes. Não faça nenhum tratamento sem consultar um dermatologista.

Postado por

CompartilharFacebookTwitterGoogle+WhatsappEmail

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *